Analisado novo regime de acesso ao Ensino Superior sem exames nacionais para os alunos do Profissional

Luís Alves Vicente
Editor Inspiring Future
26 Março 2019

Os alunos do Ensino Secundário Profissional vão, ao que tudo indica, e apesar de nada estar ainda definido, poder entrar no Ensino Superior sem terem de realizar exames nacionais. O anúncio foi feito pelo Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Manuel Heitor, que explicou que vai haver um projeto-piloto para testar o modelo. 

Segundo o jornal Expresso, esta via própria para os alunos do profissional será testada já no próximo ano letivo. "Em vez de terem de fazer exames nacionais como provas de ingresso, os estudantes apenas terão de cumprir os critérios definidos por cada Instituição de Ensino Superior (IES)", lê-se no mesmo artigo.

A forma de como o Governo pretende implementar esta via de concurso é através dos concursos locais; contudo, ao passo que atualmente só algumas IES contemplam esta hipótese (sobretudo as especializadas em oferta formativa artística ou de carácter militar), o que se verifica neste novo regime é a possibilidade de todas as instituições poderem abrir concursos locais, sejam politécnicos ou universidades. 

A medida, que deve estar concluída até final de abril, surge como forma de aumentar o acesso ao Superior por parte dos finalistas do profissional.

O que significa isto para os finalistas do ensino profissional em 2018/19?

Para já, tudo se mantém como estava: quem quiser concorrer ao ensino superior através do Concurso Geral de Acesso tem de fazer os Exames Nacionais necessários para usar como Provas de Ingresso. 

Para quem não é finalista, o timing de todo o processo acaba por dar sinais de que, no futuro, poderá ser possível enveredar por esta opção.

Assim, resta então aguardar por confirmações por parte da tutela e continuar a seguir a Inspiring Future em todos os canais para estares constantemente atualizad@ sobre o Acesso ao Ensino Superior.


DEIXA UM COMENTÁRIO