O teu dinheiro está (quase) a chegar. Estás preparado?

Fundadora do Sobra X - Gestão Financeira Individualizada
17 Janeiro 2020

Sim… com as escolha para o Acesso ao Ensino Superior, opções de candidatura, vida universitária e uma mesada para gerir!

Bem, mas primeiro que tudo deixa-me dizer-te o que temos em comum: eu-já-fui-como-tu. WOW! Dá para acreditar?!

Verdade, verdadinha, eu, há mais ou menos dez anos era como tu… Estudante, sem grandes preocupações, com uma mesada(zinha) e que eu inconscientemente deixava em “auto-gestão”! Ela lá. E eu cá.

Falando em gestão (que também foi o curso que eu tirei) eu sentia-me mesmo a pior pessoa do mundo a gerir o meu dinheiro e é aqui que os nossos caminhos divergem! Sim, o meu e o teu: Se eu na tua idade era uma nódoa a gerir o meu dinheiro, tu felizmente, vais por outro caminho uma vez que já estás a ler este artigo!

Caso ainda não tenhas pensado muito sobre isso, o teu dinheirinho está a chegar! Seja com a mesada, seja num trabalho de verão ou part time para fazer face às despesas… a verdade é que quando deres por ti vais estar com dinheiro na mão!

Podes perguntar à tua mãe o que ela pensou ao trazer-te para casa vinda da maternidade e tenho a certeza que a resposta é exatamente a mesma pergunta que tu vais fazer quando receberes o teu primeiro salário: “O que é que vou fazer com isto?”

A diferença é que o “isto” no caso da tua mãe foi com um tom querido e ternurento e o teu “isto” vai ser com o ar mais perdido de sempre.

Por isso, se queres parecer muito entendido quando tiveres esse dinheiro na mão, por favor lembra-te de que:

- Tu és muito jovem! Se começares a gerir o teu dinheiro de forma eficiente e sensata podes ter uma vida melhor que a da maioria dos teus amigos que se vão perder a comprar coisas de que não precisam.

- Tu (provavelmente) ainda vais estar em casa dos teus pais, por isso não te ponhas a gastar tudo o que vais ganhar! Parece surreal, mas olha que num abrir e fechar de olhos somos capazes de gastar muito mais do que imaginamos! Quando saires de casa vais ter de pagar uma renda que, juntamente com as restantes despesas da casa, não deverão ultrapassar 40% do teu salário… Por isso, uma vez que ainda não tens estes custos, que tal poupares pelo menos 60% do que recebes? Desta maneira, quando tiveres de pagar renda e gerir a tua casa, já vais estar super preparado para viver com o que resta!

- Felizmente ainda não tiveste tempo para ganhar vícios de consumo por isso aproveita esse teu desconhecimento para criares bons hábitos desde o recebimento do teu primeiro salário.

- Prevê os imprevistos. Estranho? Não, não é com uma bola de cristal!  Infelizmente muitas vezes os “imprevistos” não são assim tão imprevistos, por isso abre o olho e faz as continhas todas!

Vou dar-te um exemplo: se queres comprar um carro não te esqueças que vais ter de pagar o Imposto Único de Circulação (no mês da matrícula, já agora ficas com a informação completa!), a revisão do mesmo e o seguro de acidentes…. E estes três gastos não-são-imprevistos! Deverás contar com eles no momento em que comprares o carro e deverás já ter uma pequena poupança que possa fazer face a estas despesas para que quando surjam não tenhas de sentir tanto o aperto na carteira.

Espero que estas dicas te ponham a pensar no dinheiro de maneira diferente, mas sobretudo que te ponham a pensar no dinheiro… já.

O futuro prepara-se hoje, por isso, mãos à obra!

Conhece mais sobre o Sobra X clicando aqui.