Juan Batista: O aluno que entrou sozinho na 1ª fase estabeleceu a média mais alta do país

Editor Inspiring Future
11 Setembro 2018

18.94 valores é a média com que o único candidato a Engenharia Civil (Ensino Inglês) da Universidade da Madeira garantiu o ingresso no Ensino Superior. Mas a peculiaridade deste caso não se fica pela nota alta nem por ter entrado sozinho: é de facto a nota do último (e único, neste caso) colocado mais alta do país.

Juan Batista, que já prestou declarações dada a singularidade da situação, garante não estar preocupado pois sabe que mais colegas a ele se juntarão: “Penso que sou o único aluno do curso que entrou pelo contingente nacional” na Universidade da Madeira apontou, complementando ter conhecimento de que “existem mais alunos, sobretudo oriundos da África do Sul", comentou à Agência Lusa.

O luso-venezuelano de 20 anos confessou ainda sempre ter sido o seu sonho ingressar em Engenharia Civil (Ensino Inglês), depois de ter feio um semestre no Instituto Superior Técnico, da Universidade de Lisboa, no ano letivo anterior. O curso agora ocupado apenas por Juan tinha 20 vagas disponíveis na primeira fase de candidaturas.


DEIXA UM COMENTÁRIO