Como é que vão ser os Exames Nacionais? Contam as melhores respostas!

Editor Inspiring Future
25 maio 2020

Depois de muitas perguntas e especulações sobre como os Exames Nacionais iam funcionar este ano, o Instituto de Avaliação Educativa, IAVE, pronunciou-se sobre este assunto através de um documento de informação complementar sobre a realização destas provas.

 

O documento começa por justificar que os conteúdos programáticos não poderiam ser alterados a esta altura do campeonato porque já estariam na fase de conclusão e não seria possível redesenhar tudo, por isso, optou-se por uma solução flexível.

Continua a ler para perceberes o que é esta solução flexível!

 

O que é que tenho mesmo de responder?

Em cada enunciado, de todas as provas – e quando dizemos todas, é mesmo todas! – será descrito que e quantas perguntas são as perguntas que obrigatoriamente vão contar para a tua nota final.

Estas perguntas podem ser referentes a todo o percurso escolar ou então baseadas nalgum texto ou elemento que te seja dado durante o exame.

 

Por exemplo, no caso de Português, se te for dado um texto para análise e se a pergunta for obrigatória, terás sempre de lhe responder porque conta para a tua classificação final.

 

Ou seja, destas perguntas, não te safas, vais ter sempre de responder.

 

O que é que tenho de responder para além das obrigatórias?

As restantes perguntas foram muito chamadas de "opcionais", mas não são exatamente opcionais - é normal que neste momento a tua cabeça pareça o emoji a explodir do WhatsApp,. Continua a ler, já vais perceber.

 

Vai haver um leque de perguntas das quais tu vais a responder a todas e contam as melhores ou respondes a algumas e conta as melhores na mesma!

“Quantas perguntas vou afinal ter de responder?”, perguntas tu. Depende da prova!

O IAVE lançará em tempo útil quantas perguntas opcionais terás de escolher e responder em cada exame.

 

Como é que é feita a contabilização dos pontos?

As perguntas obrigatórias são contabilizadas diretamente para a classificação final, as restantes, vão ter todas o mesmo valor para a tua nota do exame, mas são contabilizadas apenas as X melhores respostas.

Onde o número de respostas que vão contar, vai depender de cada exame. O IAVE vai apresentar mais tarde, para cada exame, como vai ser contabilizado.

 

Exemplo prático: Se um exame de Matemática A tivesse 20 perguntas, 5 seriam obrigatórias e depois terias mais 15 perguntas.

Das 15 apenas vão contar as 10 melhores!

Claro que podes responder a menos de 15, mas estás a correr um risco maior.