A importância dos estágios de Verão num mercado de trabalho competitivo

Inspiring Future
3 Março 2016
“O que aprendeu para além da formação académica?” Esta é a pergunta que muitos empregadores fazem nos dias de hoje num momento crucial na vida dos jovens: a entrevista de emprego. Com um mercado de trabalho cada vez mais competitivo, os jovens devem começar cedo a pensar no futuro e em formas de se diferenciar. Uma das apostas é aproveitar o Verão para fazer experiências internacionais porque estas são, sem dúvida, uma grande vantagem para um CV sair da prateleira e não ir diretamente para o lixo do recrutador.

 

 

É uma tendência dos portugueses deixarem tudo para a última hora, mas com o mercado de trabalho tão competitivo, ganhar experiência de trabalho não pode ficar para depois dos estudos. Os jovens têm de aproveitar o Verão se querem destacar-se dos outros e conseguir a carreira que ambicionam, defende Paulo Martins, director da VidaEdu.

A pensar nisso mesmo, a VidaEdu desenvolveu estágios de Verão que vão desde nadar com tubarões na África do Sul a um Estágio Profissional em Finanças em Nova Iorque. Dependendo do objetivo de cada jovem, os Estágios de Verão estão disponíveis em quatro continentes. O mais representativo é a Europa com destinos como o Reino Unido, Noruega, Islândia, Espanha, Itália, França, Bélgica, Malta, Alemanha, Áustria, Irlanda e Holanda, passando pelos países da América Latina e EUA, atravessando a Ásia com a Índia, Tailândia, Nepal, Sri Lanka, Vitename, China e Japão e chegando a África com África do Sul, Namíbia e Maurícias.

 

Nos vários destinos nos quatro cantos do mundo, estão disponíveis diferentes programas: Summer Job, Farm Stay,Internship, My First Job  Volunteer e Au Pair. 

O director da VidaEdu acrescenta que os Estágios estão cada vez mais diversificados para corresponder, desta forma, aos objetivos dos participantes. Pode optar por ter uma verdadeira experiência de trabalho e sustentar a sua estadia com o salário mínimo do país (ex. Reino Unido, França ou Alemanha) ou, por outro lado, podem fazer voluntariado com alojamento e alimentação, em projectos tão diferentes como ajudar à conservação de Leões Brancos na África do Sul ou apoiar crianças desfavorecidas na Índia.

 

A duração mínima é de 2 semanas e para corresponder a muitos pedidos dos jovens portugueses, a VidaEdu lança este ano novos programas e destinos: África do Sul, Namíbia, Tailândia, Nepal, Sri Lanka, Holanda e Maurícias. Estes são apenas alguns exemplos daquilo que pode tornar um CV verdadeiramente único. Depois de uma experiência como esta, ninguém vai ficar sem uma história para contar na próxima entrevista de trabalho.

Os programas garantem segurança ao participante, que sai de Portugal com tudo confirmado e tem sempre apoio e acompanhamento no destino.

 

As inscrições nos estágios estão abertas até 31 de março e os programas vão ser apresentados este mês. A tua história de Verão começa aqui. Informa-te no site da VidaEdu, pede informações através do info@vidaedu.com ou liga para o 218 404 656


DEIXA UM COMENTÁRIO

Tens alguma dúvida?
Vamos ajudar-te a esclarecê-la!